Bahia, 30 de Junho de 2022
Por: CNN Brasil
07/06/2022 - 06:13:16

Milhares de trabalhadores do Reino Unido estão começando nesta segunda-feira (6) uma semana de trabalho de quatro dias, sem corte em seus salários, no maior teste do tipo.

O piloto, que durará seis meses, envolve 3.300 trabalhadores de 70 empresas, desde prestadores de serviços financeiros a um restaurante de peixe com batatas fritas.
Durante o programa, os trabalhadores recebem 100% de seu salário por trabalharem apenas 80% de sua semana habitual, em troca da promessa de manter 100% de sua produtividade.

O programa está sendo executado pela organização sem fins lucrativos 4 Day Week Global, Autonomy, um think tank e pela 4 Day Week UK Campaign em parceria com pesquisadores da Universidade de Cambridge, da Universidade de Oxford e do Boston College.

Sienna O’Rourke, gerente de marca da Pressure Drop Brewing, uma cervejaria independente em Londres, disse ao CNN Business que o maior objetivo da empresa era melhorar a saúde mental e o bem-estar de seus funcionários.

“A pandemia [nos] fez pensar muito sobre o trabalho e como as pessoas organizam suas vidas”, disse ela. “Estamos fazendo isso para melhorar a vida de nossa equipe e fazer parte de uma mudança progressiva no mundo”.

Dado que a empresa fabrica e envia produtos, os trabalhadores têm menos flexibilidade sobre quando e onde trabalham, disse O’Rourke. Mas quaisquer dificuldades com as férias e licenças médicas seriam abordadas em equipe.

Até agora, a Islândia havia conduzido o maior piloto de uma semana de trabalho mais curta entre 2015 e 2019, com 2.500 funcionários do setor público envolvidos em dois grandes testes. Esses testes não encontraram queda correspondente na produtividade entre os participantes e um aumento dramático no bem-estar dos funcionários.

Os pedidos para encurtar a semana de trabalho ganharam força nos últimos anos em vários países. À medida que milhões de funcionários mudaram para o trabalho remoto durante a pandemia – reduzindo o tempo e os custos onerosos de deslocamento – os pedidos de maior flexibilidade só aumentaram.

Os testes apoiados pelo governo devem ocorrer na Espanha e na Escócia ainda este ano, disse a Campanha da Semana de 4 Dias em um comunicado à imprensa.
Joe O’Connor, CEO da 4 Day Week Global, disse que os trabalhadores mostraram que podem trabalhar “de forma mais curta e inteligente”.

“À medida que emergimos da pandemia, mais e mais empresas estão reconhecendo que a nova fronteira para a concorrência é a qualidade de vida, e que o trabalho com jornada reduzida e focado na produção é o veículo para dar a elas uma vantagem competitiva”, disse ele no comunicado.

Os pesquisadores medirão o impacto que o novo padrão de trabalho terá nos níveis de produtividade, igualdade de gênero, meio ambiente e bem-estar dos trabalhadores.

Veja + Reportagem Especial